dicas de saúde para cachorros
dicas de saúde para cachorros
Petshop

Dicas de Saúde para Cachorros

44views

Dicas de saúde para cachorros | Os donos de cães que cuidam de seus cães querem cuidar bem de seus cães. Você ama seu cão, e quer que ela seja saudável e feliz.

Ajude a manter seu cão no caminho do bem estar, seguindo algumas diretrizes básicas de saúde canina. Confira mais detalhes em nosso site.

Dicas de Saúde para Cachorros

saúde para cães
Cuidados do seu cachorro

Procure um Veterinário

Cuidados veterinários de alta qualidade estabelecem a base para a saúde geral de seu cão. Comece encontrando um veterinário em quem você possa confiar e visite regularmente esse veterinário. Exames de rotina de bem-estar devem ser realizados por seu veterinário pelo menos uma vez por ano.

Todos os cães precisam ser vacinados e receber a prevenção contra vermes cardíacos. A maioria deve ser vacinada contra pulgas e carrapatos também. Converse com seu veterinário sobre as vacinas apropriadas para o estilo de vida de seu cão e o tipo mais apropriado de prevenção de vermes cardíacos. Pergunte ao seu veterinário sobre opções para prevenir e tratar pulgas e carrapatos.

Os filhotes de cachorro precisarão ser vistos a cada poucas semanas durante os primeiros meses de vida, principalmente para a vacinação de seus filhotes e para garantir que eles estejam crescendo em um ritmo saudável. O veterinário e a equipe também podem ajudá-lo com dicas de criação de filhotes durante essas visitas.

Cães adultos saudáveis normalmente precisam ver o veterinário anualmente para exames físicos, vacinas e testes para vermes cardíacos e parasitas intestinais. Se seu cão adulto tem necessidades especiais, uma condição crônica de saúde ou outra doença, certifique-se de seguir as recomendações de seu veterinário sobre visitas de acompanhamento e tratamentos.

Cães idosos devem ser vistos por um veterinário pelo menos a cada seis meses, mas com maior frequência se tiverem problemas de saúde. A maioria dos veterinários recomenda testes laboratoriais anuais para avaliar o funcionamento dos órgãos e a contagem de células sanguíneas.

Como seu cão envelhece a um ritmo mais rápido do que você, muitas mudanças sutis podem se desenvolver durante um período de seis a doze meses. As visitas de rotina permitem que seu veterinário monitore de perto as mudanças antes que a saúde de seu cão fique fora de controle.

Aprenda como se comunicar efetivamente com seu veterinário e você pode esperar o mesmo em troca. Se você puder desenvolver uma boa conexão com seu veterinário, isso pode levar a benefícios a longo prazo para você e seu cão.

Nutrição Adequada

Uma nutrição adequada é fundamental para manter todos os cães saudáveis. A dieta afeta diretamente a pele e o pêlo de seu cão, o peso, o nível de energia e a função gastrointestinal. Se ocorrer um problema em uma dessas áreas, ele pode estar relacionado a uma dieta inadequada.

Escolha um alimento para cão de alta qualidade feito por uma empresa respeitável, ou pergunte a seu veterinário sobre dietas caseiras completas e equilibradas. Uma vez que você escolha uma dieta, observe a resposta de seu cão durante as próximas quatro a oito semanas.

  • Como fica o pêlo dela? Deve ser brilhante e livre de flocos, mas não gorduroso.
  • Você já notou uma mudança no nível de energia dela? Uma diminuição no nível de energia pode indicar um problema.
  • Ela perdeu ou ganhou peso? A obesidade em cães é um problema muito comum que muitas vezes pode ser revertido com dieta e exercícios adequados. A perda de peso em excesso pode ocorrer se seu cão não achar o alimento palatável.

Se a resposta de seu cão à dieta for pobre, pode ser a hora de procurar outros alimentos. Uma mudança repentina nos alimentos para cães pode causar diarreia ou até mesmo vômitos, portanto, troque gradualmente, a menos que seu veterinário ordene o contrário.

Exercícios Regulares

Muitos proprietários de cães subestimam quanto exercício seus cães realmente precisam para se manterem saudáveis e felizes. Um cão entediado com excesso de energia pode agir, muitas vezes com comportamento destrutivo. Isto pode levar a um diagnóstico de ansiedade de separação ou outro problema comportamental.4 Em alguns casos, o comportamento indesejado é na verdade o resultado de um excesso de energia e não uma verdadeira condição comportamental.

Se você alimentar seu cão com uma dieta saudável, isso lhe dará muita energia. Se seu cão não consegue liberar essa energia com exercício e atividade, ela pode acabar liberando-a em seus móveis, tapetes, portas ou mesmo em sua premiada coleção de livros raros.

Antes de culpar seu cão pelos danos causados, pergunte-se se ele está fazendo exercício suficiente. Em geral, os cães precisam de pelo menos uma a duas horas de exercício por dia, mas isso varia de acordo com a raça, tamanho e idade. Com o tempo, determine o regime de exercícios ideal para seu cão e estabeleça uma rotina. Você pode até notar uma melhoria em sua própria saúde enquanto isso.

Cuidados dentários

É fácil esquecer os dentes de seu cão até que você sinta um cheiro de mau hálito. Apesar da opinião popular, o mau hálito em cães não é normal; é um sinal de problemas na boca. A acumulação de placas e tártaro pode levar a alguns problemas sérios de saúde.

Nunca é tarde demais para começar a se concentrar nos cuidados dentários preventivos. Você pode escovar os dentes de seu cão, usar enxágues orais, alimentar os tratamentos dentários, ou tudo o que está acima – basta fazer alguma coisa. É melhor não esperar até que a doença dentária ameace a saúde de seu cachorro. É claro, não deixe de falar com seu veterinário sobre os dentes de seu cão. Limpezas profissionais podem ser necessárias de tempos em tempos.

Limpeza regular

O grooming não é apenas para cães de exposição ou cães “chiques”. Todos os cães precisam de algum grau de manutenção física básica. Em geral, as necessidades de asseio de seu cão serão baseadas em sua raça. Entretanto, seu cão pode ter necessidades especiais devido às condições de saúde, tais como alergias.

O cão médio se beneficiará de um corte de unhas e banho mensal. Para cães de pêlo curto, escove-o toda semana ou duas. Cães de pêlo longo devem ser escovados diariamente. Cães com pêlos em crescimento contínuo podem precisar de um corte a cada quatro a seis semanas.

Uma vez que você determine as necessidades de asseio de seu cão, decida se você mesmo o fará ou se precisa contratar um profissional. De qualquer forma, agende sessões regulares de asseio para seu cão.